Seguindo o blog

Postagem em destaque

PERFUME DE MULHER - Soneto

Tu que tens os aromas e as cores Da beleza que invade meu querer Adornada em paisagens de amores Adentrando o oasis do meu ser....

terça-feira, 15 de julho de 2014

O NAVEGANTE


Sou só mais um navegante,
Enviando um SOS
De rádio, aos quatro cantos
Norte, sul, leste, oeste.

Esperando que alguém
Decodifique os sinais
Que me mande uma resposta
Ou me fale de algo mais.

Me fale do que não vi
Do que ainda não sei
De rotas que desconheço,
Caminhos que não andei.

Uma coisa eu aprendi,
Por onde eu já caminhei:
Quanto mais coisas eu vejo
Mais sinto que nada sei.


Sou só mais um navegante
Singrando mares sem fim,
Tentando afogar, no peito
A solidão que há em mim.

Buscando pela essência
No interior do ser,
Enxergo o que não se mostra,
Procuro o que não se vê.

Meios sorrisos não quero,
Nem amor de fantasia.
Não quero a ilusão da noite,
Nem falsidade do dia.

Sou só mais um navegante,
Enviando um SOS
De rádio, aos quatro cantos:
Norte, sul, leste, oeste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário